Filme seguido de debate – 14/09

DIA 14/09 – Sábado às 17h

ENTRADA FRANCA

Filme seguido de debate: Nossos mortos têm voz seguido de debate com o diretor e roteirista Fernando Sousa e com Ibis Pereira, coronel da reserva da PM

A narrativa do documentário é construída a partir do depoimento e do protagonismo das mães e familiares vítimas da violência de Estado da Baixada Fluminense. Tendo como ponto de partida esses casos, o documentário aborda as histórias atravessadas por essas perdas. Pretende-se resgatar a memória dessas vidas interrompidas trazendo uma visão crítica sobre a atuação do Estado através das polícias na Baixada Fluminense, sobretudo no que diz respeito à violência contra jovens negros.

Direção, argumento e roteiro Fernando Sousa e Gabriel Barbosa | Direção de Fotografia Luis Felipe Romano | Câmeras Luis Felipe Romano, Débora Índio do Brasil, Jorge Bernardo Karima Shehata | Som direto Vilson Almeida | Produção e direção de produção Gabriel Barbosa | Co-produção Arpoador Comunica Filmes| Edição e montagem Débora Índio do Brasil | Mixagem Alexandre Griva | Colorista Glauco Gigon | Pesquisa Terine Hussek e Vinicius Santiago | Assistente de edição Lucas Vieira | Designer Luiza Chamma | Apresentam Fórum Grita Baixada, Centro de Direitos Humanos de Nova Iguaçu | Patrocínio Misereor, Fundo Brasil de Direitos Humanos, Fundação Heinrich Böll | Apoio Rede de Mães e Familiares na Baixada Fluminense, Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência, Casa Fluminense

Link: http://www.quiprocofilmes.com.br/pt/filme/nossos-mortos-tem-voz