Mesa Redonda – 07/11

DIA 07/11 – Terça-feira às 21h
ENTRADA FRANCA

Militarização da vida e a resistência das favelas cariocas

Diante da barbárie que assola nosso país e, em especial, a cidade do Rio de Janeiro, propomos uma série de encontros para discutir temas urgentes que devem ser exaustivamente trabalhados, falados e escutados. Violência policial, Intolerâncias, Ensino confessional, Cura Gay, Escola sem partido, são algumas das questões que fazem o retrato do nosso país na contemporaneidade. Para discuti-las, convidaremos algumas pessoas implicadas nestes processos e que são diretamente afetadas por estes atos violentos.

Devido à gravidade da situação carioca no que se refere ao extermínio de parte da população pelo Estado policial, entendemos que seria interessante iniciarmos por esta temática. Para tanto, convidamos três pessoas que são moradores de favelas, pensadores do contexto de violência da nossa cidade e atuantes políticos para estarem conosco neste primeiro encontro.

Participantes:

Gizele Martins

​J​ornalista e mestranda em cultura, comunicação em Periferias Urbanas. Militante de movimentos de favelas.
https://www.youtube.com/watch?v=GIpKNqAaUQE&list=UU8tiuRuPFt9unvEnidiJuIQ

Maria Dalva Correa

Moradora do Borel. Mãe de jovem assassinado na chacina do Borel, em 2003.
https://www.youtube.com/watch?v=R-YS789Qmok

Raull Santiago

M​orador do Complexo do Alemão. Integrante do Coletivo de comunicação independente, Papo Reto.
https://www.frontlinedefenders.org/pt/search?keywords=raull+santiago